Arquivo da tag: dieta

O dia que decidi – tentar – parar de comer carne

vegetariana-dica-amiga

Eu sempre lutei pelo amor – em todas as suas formas. O amor que faz borboletas mexerem no estômago, o amor aos pequenos detalhes do dia a dia e o amor ao próximo. Sempre acreditei – e acredito – que o amor é capaz de mudar o mundo.

Acreditando tanto no amor me peguei questionando sobre algumas coisas, entre elas o fato de comer carne. Eu sempre tive uma visão muito leiga sobre isso, nunca parei realmente para pensar e refletir sobre o que comia e tudo o que envolvia esse processo. Eu só via um pedaço de carne que era gostoso e que eu queria comer. Mas não pensava que por trás daquela refeição havia um animalzinho que um dia tinha vida e que era feliz e inocente.

Muita gente diz que “eles foram criados para virarem comida”, que eles não pensam e não tem sentimentos. Mas sabe, eu me recuso a acreditar nisso. A acreditar que eles vieram ao mundo somente para servir de refeição. Que nada passa por suas cabeças ou por seus corações. É um pensamento tão cruel. Tão frio.

Por isso, depois de 21 anos, decidi acreditar que não são apenas pedaços de carnes que se transformaram em refeições. Decidi acreditar que tem uma vida ali que é cruelmente interrompida para me alimentar. Não é um pedaço de bife, é uma parte do que um dia foi uma vida. E eu não quero mais ser responsável por um animal morrer apenas para me alimentar, quando tenho diversas formas de fazer isso sem haver sangue ou morte.

Decidi amar e acreditar que esta decisão vai salvar vários coraçõezinhos. Me chamem de iludida, de viajada ou de qualquer coisa que você quiser, mas eu realmente acredito nas pequenas mudanças.

Primeira semana sem carne

O processo de parar de comer carne está sendo um pouco difícil, confesso. Na primeira semana consegui aguentar seis dias completos sem comer nenhum tipo de carne, até que no sétimo dia a fome falou mais alto quando fui até um churrasco sem ter comido nada antes. Não foi uma ideia muito inteligente e o resultado foi como esperado, comi carne.

Me senti culpada por ter deslizado quando ia tão bem, mas não desisti! Esse processo é longo e não vai ser em uma semana que irei mudar hábitos de uma vida. Achei que conseguiria fazer essa mudança de uma vez só, mas assim como qualquer dieta o corte tem que ser aos poucos.

De agora em diante irei cortando a carne aos poucos.

  • Primeiro saiu a carne bovina.
  • Depois sai o frango.
  • E por fim, o peixe.

Não quero me tornar vegetariana, quero parar de comer carne. Sei que só o fato de parar de comer carne não me torna alguém vegetariano, porque uma dieta vegetariana corta tudo que tem origem animal.  E não é esse meu objetivo no momento! Quem sabe num futuro, mas não agora. Vou usar o termo “vegetariana(o) porque é como todo mundo entende, mas já quero aqui deixar tudo bem explicadinho. 🙂

De pouquinho em pouquinho vou conseguindo me adaptar a esta nova mudança. Me desejem sorte! ♥

Anúncios

Onde comer em Cascavel – Monka

Por falta de tempo ou de vontade acabamos comendo sempre as mesmas coisas e deixamos de conhecer diversos lugares legais na cidade em que moramos. Aqui em Cascavel isso vale totalmente porque é uma cidade pequena — comparado com a capital — e não tem muitos lugares conhecidos para comer. Ficamos naquela de sempre, um lanche da esquina ou uma tele entrega de pizza. Delicioso, porém rotineiro. Queremos novos lugares para comer, mas por preguiça de procurar acabamos com o de sempre. Mas chega disso, que tal descobrir novos lugares para comer em Cascavel? Isso mesmo! Começo hoje uma nova série de post com dicas de lugares para comer em Cascavel, para você cascavelense que cansou do lanchinho de sempre e quer conhecer novos lugares.

Inauguramos esta nova tag com o Monka, um restaurante de comida saudável localizado no centro de Cascavel.

Onde comer em Cascavel - Monka 1

O Monka é um lugarzinho perfeito para você que está de dieta e quer comer algo saudável e gostoso. Porém, se você não gosta deste tipo de cardápio, eles tem um delicioso açaí fresquinho.

Onde comer em Cascavel - Monka 2

A decoração foi o que mais me chamou atenção! Móveis rústicos com móveis coloridos, uma perfeita combinação para um restaurante em Cascavel.

Onde comer em Cascavel - Monka 3

Fui lá com meu amor e pedimos dois açaís e aviso: a tigela é grande demaaaaaaaaaais minha gente. Juro que uma tigela pequena dá para matar a vontade de duas pessoas tranquilamente. #Ficaadica

A minha combinação foi com bananas e do amor foi com morangos, porém posso adiantar que com bananas fica muito mais gostoso devido o adocicado dela. A combinação azedinha do açaí + a doçura da banana é = um lanche nutritivo e delicioso.

Onde comer em Cascavel - Monka 4

Além dos móveis rústicos que eu falei acima, no Monka tem parede de tijolinhos com quadros. É apenas muito amor pra mim. ♥ Sem contar nessas mesinhas lindas aí.

Onde comer em Cascavel - Monka 5

Ah, tem água aromatizada também! Porém estava sem gelo no dia que fomos, fazendo ela ficar meio ruinzinha, então não curtimos muito. Mas se estivesse geladinha seria ó, uma delicia.

Onde comer em Cascavel - Monka 6

Amoi da minha vida que não curtiu muito seu açaí com morangos, hahahaha.

Então é isso galera do meu coração! O endereço do Monka é rua Souza Naves, n°4115, bem no centro de Cascavel. Saiba mais sobre o restaurante na fanpage e se você quiser ligar o telefone é 45 30393666. Recomendo muito que conheçam o restaurante, porque o açaí é maravilhoso e garanto que o restante do cardápio também. Pretendo voltar e experimentar outras delicias, mas daí compartilho tudo no meu instagram e você só vai ficar sabendo se acompanhar (segue, vai!). Beijocas!

Rolou no Youtube – Receita Crepioca

Este vídeo do youtube é para compartilhar com vocês uma receitinha diva que aprendi esses tempos e que é muito — tipo muito — fácil de fazer: crepioca saudável. Ela é ótima porque não vai trigo, então não tem carboidratos. Fica perfeito para o café da manhã quanto para o almoço, por isso que é tipo uma receita maravilhosa. Eu adoro e sempre que posso faço, então com vocês a receita de crepioca saudável!

E aí, gostaram? Se fizerem não se esqueçam de marcar no instagram com a #dicaamiga que eu vou ficar muito feliz.