Você conhece os Gatos sem Raça Definida?

A Comissão de Animais de Companhia, constatou analisando os animais dos lares brasileiros e descobriu que 80% dos gatos não possuem uma raça definida, ou seja, são GSRD (Gato Sem Raça Definida).  

Gatinho sem raça definida brincando com uma florzinha

Gatinho – Imagem de Dim Hou por Pixabay

Vira Lata – 1ª Raça Brasileira Reconhecida Mundialmente 

O inesperado é uma das características mais bacanas desses gatos, nossos famosos vira-latas (GSRD), são compostos de misturas entre diversas raças, suas características físicas possuem uma grande variedade de tamanhos e cores, alguns tem semelhanças com siameses, ou persas, por exemplo.  

Pelagem Curta 

Porém, a maioria é de pelagem curta, de tamanho médio e o rabo levemente fino. Muitos acreditam que o vira-lata tem mais resistência a doenças do que os gatos de raças. Outro detalhe interessante é que nenhum vira-lata é igual ao outro. 

 

Seleção Natural 

Por virem de animais com características diferentes, a seleção natural tenta melhorar essas características, dando a esses gatos maior resistência e melhor adaptabilidade para conviver com humanos. 

Amigáveis 

Portanto, além de possuírem um alto grau de interação com as pessoas, serem muito amigáveis e manterem contato com o dono, os gatos Vira Latas costumam ter uma menor tendência a sofrer doenças genéticas e, portanto, se beneficiar delas. 

Amoroso, Carinhoso e banguceiros 

Eles geralmente têm um comportamento amoroso, atencioso e super amigável, mas também são super bagunceiros e rueiros 

Porém, é quase impossível saber exatamente seu comportamento, por isso é necessário estar preparado para todas as situações.  

Cuidados com a saúde 

Não há nada de especial em cuidar de gatos vira latas, a não ser os cuidados médicos, levá-los ao veterinário, pentear os pelos, cuidar da alimentação, dar-lhes água e limpar onde fazem suas necessidades todos os dias. 

Adoção 

Num mundo onde a população está cada vez mais individualista escolher adotar um gato vira-lata para cuidar em uma ONG ou Lar Temporário é garantir um animal único e muito amoroso para chamar de seu. 

Após adotar o filhotinho o ideal é que ele seja acompanhado com auxílio médico-veterinário, assim, conforme seu crescimento o especialista pode indicar o alimento e outros cuidados ideais, conforme seu desenvolvimento.  

Gato vira-lata e as vantagens de ter um! 

Carinhoso como poucos 

São super saudáveis 

Não existe outro igual 

Podem viver de 14 a 20 anos  

 Ruas Abandonados

Para quem deseja ter um gatinho vira-lata, uma das vantagens é que existem muitos para serem adotados em ONGS, são encontrados também nas ruas abandonados.  

Se bem cuidados e castrados podem viver de 14 a 20 anos. 

Compartilhe este post:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.